Hub Lifestyle
escritório compartilhado

As 5 principais razões para trabalhar em um escritório compartilhado

Os postos de emprego como conhecemos estão ficando no passado. Até alguns anos atrás, era necessário estar presente sempre no mesmo local para continuar um trabalho – seja pelo armazenamento de informações em um computador ou pela dificuldade em transportar diversos documentos.

Com o avanço da tecnologia, hoje é possível trabalhar de qualquer lugar através de um notebook, tablet ou smartphone. E isso fez com que as pessoas começassem a utilizar um escritório compartilhado para trabalhar com maior eficiência.

Essa mudança de realidade resultou no surgimento dos escritórios compartilhados, em que diversos profissionais podem trabalhar de forma colaborativa em um mesmo local. Clique aqui e saiba mais!

Não é necessário que cada um invista em um espaço próprio quando é possível trabalhar em uma ótima estrutura em que todos podem render, não é mesmo?

5 razões para trabalhar em um escritório compartilhado:

#1. Interação com outras empresas e pessoas

As interações com outros empreendedores sempre podem agregar valor, não é? Seja uma troca de experiências, a aprendizagem de um novo conhecimento ou uma ajuda para resolver um problema. Todos sempre saem ganhando em situações como essas.

Em um coworking, isso é muito comum. Afinal de contas, diversos profissionais das mais variadas áreas de atuação frequentam o espaço diariamente.

Já pensou fazer uma pausa para o cafezinho e receber várias dicas incríveis de marketing em uma roda de conversa de profissionais da área? Ou então conseguir melhorar o seu controle financeiro conversando com um contador no final do dia?

#2. Inspiração para o seu projeto

Sabe quando o seu projeto fica travado e você não sabe como avançar? Em um espaço próprio você teria que buscar a solução sozinho, mas, em um ambiente cercado de profissionais competentes, você pode receber ajuda de pessoas com visões diferentes da sua.

Além disso, acompanhar o desenvolvimento do trabalho de outros frequentadores do coworking pode servir de inspiração para fazer melhorias no seu projeto. Quanto mais experiências e conhecimentos você tiver, mais poderá aplicar na prática.

#3. Feche negócios!

Em meio a tantos profissionais que podem frequentar o mesmo coworking que você, vários deles podem vir a se tornar fornecedores, parceiros ou clientes do seu negócio. Uma verdadeira cadeia de mutualismo em que todos saem ganhando!

Imagine que você esteja desenvolvendo um sistema de controles financeiros para profissionais autônomos. Muitos daqueles profissionais que você encontra durante o trabalho são potenciais clientes, não é mesmo?

#4. Facilidades no dia a dia

Já pensou chegar para trabalhar em sua sala comercial e precisar lidar com a manutenção de um cano no banheiro? Ou então sair para comprar materiais de escritório, produtos de limpeza ou café? Tudo isso, por mais simples que seja, afeta na produtividade do seu dia.

Um escritório compartilhado possui uma estrutura completa para que você possa chegar e desenvolver o seu trabalho de forma produtiva. Área de trabalho, wi-fi, banheiros, café, sala de reunião, cozinha, espaço para descansar e socializar. Tudo para facilitar o dia a dia de um profissional!

#5. Economia de custos no fim do mês

Um espaço com todos esses benefícios deve possuir um alto custo, certo? Muito pelo contrário! Se compararmos o valor para trabalhar em um coworking, com as despesas com aluguel de uma sala comercial, você poderá notar uma grande economia.

A lógica para isso é bem simples: o objetivo do coworking é proporcionar um espaço comunitário e sustentável, em que todos contribuem para usufruir dos mesmos benefícios.

Ou seja, a estrutura é compartilhada entre todos os frequentadores – o que torna o valor que cada um precisa pagar bastante em conta.

Você já conhecia as razões para trabalhar em um coworking? O que achou da ideia? Deixe o seu comentário! E se ficou interessado, conheça nosso espaço!

Share this Story
Load More Related Articles
Load More In Hub Lifestyle

Facebook Comments